Quem pode ser dependente do plano de saúde empresarial

Plano de saúde empresarial, quem pode ser dependente?

Os planos de saúde empresariais estão em maioria no nosso país levando em conta os particulares. Mas você, você sabe quem pode ser o dependente do plano de saúde empresarial ?

Na maioria dos planos são oferecidos a possibilidade de incluir dependentes. Para isso terá que descobrir como funciona seu plano.

Passa uma uma sensação de tranquilidade trabalhar com uma empresa que oferece esse beneficio. Mas, mais importante que isso, é descobrir pra quem seu plano de saúde empresarial pode ser estendido.

Será possível colocar o cônjuge? Ou só os filhos são dependentes e terão acesso aos serviços do plano ?

Quem pode ser dependente do plano de saúde empresarial

Já iremos tirar sua duvida e explicar quem poderá ser o dependente do plano de saúde empresarial.

Como diz a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) , quando um plano de saúde é previsto no contrato, poderá ser estendido aos dependentes conforme a descrição que está citado abaixo:

– Parentes de 3º grau consanguíneo: bisavôs, bisnetos, tios e sobrinhos;

– Parentes de 2º grau consanguíneo: avôs e netos;

– Parentes de 1º grau consangüíneo: pais e filhos;

– Cônjuge e companheiro: marido e mulher do funcionário beneficiado, assim como companheiros (relações homossexuais),

– Parentes por afinidade: sogros.

Como incluir dependentes?

Os recém-nascidos, biológicos ou adotivos, que sejam filhos de funcionários que tem o plano de saúde, pode ser estendido as eles diretamente do plano do pai ou da mãe. Isso serve também para as carências que foram cumpridas pelo titular.

Entretanto, mesmo assim, devem obedecer a alguns critérios:

– O pai ou a mãe beneficiário do plano deve fazer a inscrição do filho dentro do prazo de 30 dias após o nascimento ou a adoção;

– O plano de saúde do titular deve pertencer à categoria hospitalar com obstetrícia;

– Mesmo que o parto não tenha sido coberto pela operadora do plano de saúde de um dos pais, a inscrição pode ser feita.

Agora que já entendemos quem pode ser o dependente do plano, veja se você cumpre com as regras dos casos acima.

Benefício valorizado

Para o funcionário de uma empresa, ter o plano de saúde que pode ser passado aos familiares é um fator determinante para segurança dos familiares

Isso tudo faz parte de uma iniciativa de sucesso para a empresa. Isso porque ela terá reduzido o número de faltas, em virtude de problemas de saúde com os próprios funcionários. E também por faltas que venham a acontecer por problemas de saúde familiar.

Economia em pauta

Temos que colocar a saúde em primeiro plano. Os que não trabalham em empresas que oferecem o pano de saúde empresarial acabam tendo muitos gastos.

Ai está outra ótima qualidade para os funcionários que tem um plano de saúde como esse. O valor que é repassado, é simbólico e cabe em seu bolso, garantindo que o funcionário fique tranquilo.